Chapa governista terá Eliane: pela 3ª vez nome de Déda será usado
PT indicará vice e senado
10/05/2018  03:03


“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.


Quem ouviu ontem, 08, a entrevista do governador Belivaldo Chagas, concedida a George Magalhães, teve a certeza que a candidata a vice-governadora na chapa dele será Eliane Aquino. E Belivaldo não vai contrariar o desejo de Rogério de ser candidato ao Senado. Apenas abriu mais

uma vaga para o PT na chapa majoritária.

Ou seja, a chapa governista já está formada: Belivaldo, tendo como vice Eliane Aquino e na disputa pelas duas vagas ao Senado, Jackson e Rogério.

O motivo principal são os índices favoráveis a Lula em Sergipe e, principalmente, usar o nome de Marcelo Déda mais uma vez após o seu falecimento colocando Eliane como vice. Em 2014 o falecimento precoce de Déda foi fundamental para a virada de Jackson sobre Eduardo Amorim. Em 2016 o nome de Déda foi usado em Aracaju e querem repetir a história em 2018.

Por isso quando Jackson jogou a culpa da quebradeira do governo estadual para Déda, Eliane silenciou. E muitos históricos também silenciaram em nome dos cargos. Agora as principais lideranças apoiarão Belivaldo, aprovando o governo Jackson e a continuidade dele.

Querem usar os nomes de Déda e Lula para reduzir os altos índices de rejeição de Jackson Barreto e do candidato dele, Belivaldo Chagas.


Belivaldo esperou Jackson para pedir permissão: incompatibilidade de estilo administrativo E no fim da tarde de ontem, 09, após o anúncio que Almeida Lima tinha sido exonerado, nos corredores do Palácio a informação é que Belivaldo esperou Jackson retornar de viagem para pedir a permissão para exonerar o primo. A justificativa: incompatibilidade de estilo administrativo.

Ninguém criticará Almeida A ordem agora é todos esquecerem Almeida Lima e o sucessor não poderá criticá-lo. Almeida é uma bomba relógio que pode complicar a carreira política de muita gente. E um homem que adora colecionar dossiês e já tem aliado aàbase de lexotan.  Assumiu, interinamente, o superintendente executivo (adjunto), Valberto Lima. Numa entrevista após a exoneração Almeida deixou no ar "Deus nos livre de mais quatro anos com ele." Vixe, vem bomba por aí...

Terremoto na SSP E um “terremoto” de grandes proporções na cúpula da Segurança Pública de Sergipe irá  provocar mudanças no quadro daaSecretaria. Pelo visto, depois da Saúde, o próximo gargalo se encontra na Praça Tobias Barreto. Os dias prometem nas terras sergipanas!

Lá Casa de Papel Com a queda do Valete de Paus (Almeida Lima) na secretaria da saúde, muitos dos seus apadrinhados ficaram também na corda bamba. Imagine se o governador seguir a linha de como o ex-secretário conseguiu liberar dezenas de milhões através de ofício? Quem foram os aliados que estavam no mesmo jogo? Abra o olho, governador...

PRB: Belivaldo exonera e Edvaldo nomeia na PMA E ontem, 09, um assessor da prefeitura de Aracaju disse que Heleno Silva já procurou Edvaldo Nogueira para ajudá-lo após o afastamento do governo estadual. Pediu mais alguns cargos. Hoje o PRB comanda a SMTT. O Sepuma já está de olho nas nomeações...

Defesa O blog não comemora exoneração ou nomeação de ninguém. Como diz um amigo, a nossa luta é em defesa dos bons princípios e das virtudes humanas!

Sefaz: novo secretário bloqueou todos os pagamentos rotineiros da administração direta e indireta E os pequenos fornecedores do governo estadual buscam uma resposta para a atitude do novo secretário da Sefaz, Ademáro Alves. Ele bloqueou todos os pagamentos de rotinas de todos os órgãos da administração estadual (direta e indireta) sem explicação nenhuma. Acarretando com isso muitos prejuízos não somente para os pequenos fornecedores, como vai causar juros e correção monetária sobre títulos que venceram e estão vencendo. Quem explica?

Proposta indecente E o blog foi informado que tem gente fazendo proposta indecente ao DEM de Sergipe, através de uma grande liderança. O ex-deputado Mendonça Prado já foi informado e não gostou. Vai soltar o verbo.

Prestígio  A coluna Plenário publicou no dia de ontem o que disse o ex-vereador de Aracaju Pedrinho Barreto: “desde quando milito na política só conheci três políticos de prestígio nacional: Albano Franco, João Alves Filho e André Moura.”

Afilhado de Eduardo Cunha Alguém precisa avisar a Pedrinho que o prestígio de André Moura não pode e não deve ser comparado ao de Albano Franco. Albano jamais aceitaria ter algum prestígio na condição de afilhado político de Eduardo Cunha. Menos Pedrinho!

Só ficando Pré-candidatos pelo PPS estão avaliando que depois que Clóvis Silveira aderiu a André Moura de corpo e alma, o partido perdeu a importância no cenário das decisões políticas de Sergipe.

Namoro e casamento Segundo um pré-candidato a deputado estadual, até mesmo o próprio Clóvis Silveira está repensando sobre sua precipitação. Segundo a fonte, ele tem ouvido de alguns correligionários que a rejeição do líder é muito grande para o partido carregar nas costas. E que a dificuldade que eles têm encontrado para montar a chapa é porque muitos namoram com as emendas, mas não pretendem se casar com a rejeição.

Ato público Durante paralisação do magistério, o professor e vereador Iran Barbosa (PT) participou do ato público realizado pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica da Rede Oficial do Estado de Sergipe, Sintese, durante o dia de paralisação da categoria.

Enfrentamento Esta foi mais uma atividade de luta que contou com a participação de Iran, que vivencia as dificuldades do dia a dia do chão da escola, e, por isso mesmo, tem feito, constantemente, o enfrentamento direto aos governos estadual e municipal contra a política educacional adotada, que desmonta a Educação Pública e ataca os direitos dos educadores e educadoras, ativos e aposentados.

Pauta A manifestação aconteceu em frente ao Palácio de Despachos do governo do Estado, na Avenida Adélia Franco, na manhã  de ontem, 9, e marcou o ‘Dia de Luta’, onde professores e professoras da rede estadual de ensino paralisaram as suas atividades por um dia. Na pauta, a luta pela qualidade da educação pública e pela reconstrução da carreira do magistério.

Mobilização dos professores A deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) revelou ontem, 09, preocupação com os rumos da gestão do ensino público em Sergipe. Na sessão da Assembleia Legislativa, a parlamentar, que é professora por formação, manifestou solidariedade aos profissionais do magistério que paralisaram as atividades na quarta-feira, como forma de chamar a atenção dos gestores para os problemas enfrentados por eles na lida diária fora e dentro da sala de aula. “Assim como o restante do funcionalismo, essa categoria amarga cinco anos sem reajuste, atrasos salariais e, ainda, enfrenta a ausência de planejamento na condução da educação, que se reflete nas dificuldades vivenciadas pelos nossos estudantes diariamente”, disse Maria.

Incoerências Ao explicar as incoerências do Governo Estadual na área, Maria citou o exemplo de escolas que possuem uma “estrutura desigual na relação entre demanda e equipe”. Segundo a deputada, são colégios que têm um número pequeno de matrículas, mas uma folha de pessoal extensa. “O critério utilizado é o da vontade política”, lamentou Maria, lembrando que ao longo do seu mandato apontou “diversas vezes, a necessidade de que o Executivo elaborasse um plano de ações que não fossem apenas paliativas”.

Carreira Durante o aparte à colega deputada Ana Lúcia Menezes (PT), Maria disse compreender a reivindicação dos professores por uma política salarial mais séria e equânime. “Ao longo das últimas gestões, a carreira do magistério foi destroçada e, hoje, tanto os servidores da ativa quanto os inativos estão em uma situação angustiante com seus vencimentos defasados”, criticou. Para Mendonça, falta ao Estado, uma gestão compromissada com a administração pública. “O Governo que está chegando não poderá fazer muita coisa porque recebeu a máquina estatal em uma condição caótica”, apontou a parlamentar.

Paulinho Só lança EP "Ewé" O músico, cantor e compositor Paulinho Só apresenta seu primeiro EP "Ewé", compilado de composições autorais e com parceiros musicais diversos. O lançamento acontece nesta sexta-feira, 11, a partir das 21 horas, na Reciclaria Casa de Artes, com a participação especial do grupo InspiraSons. O couvert artístico custa R$15.

Expressão Com título inspirado na expressão do yorubá que significa "folhas", o trabalho presenteia o grande público com construções intrincadas e intrigantes, mostrando uma capacidade ímpar de transitar melodicamente dentre a poética do cotidiano, trazendo também o compasso da efemeridade, do sentir o tempo, com arranjos que exploram a diversidade e as possibilidades da música popular brasileira, flertando também com o rock, blues e com o jazz.


PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES - (79) 99890 2018

De Antonio Samarone:

Brasil: uma medicina de mercado, sem controle.
Somos campeões no consumo de exames.
Quantos foram desnecessários?
Quantos pacientes precisavam e não tiveram acesso?
Mas o lucro está garantido...

PELO TWITTER

www.twitter.com/rbrasiliense Máxima: "A política é a arte de pedir voto aos pobres, dinheiro aos ricos e mentir aos dois." (Antônio Ermirio de Moraes, empresário)

www.twitter.com/RicMarquesTV "Para conquistar os seus sonhos é preciso lidar com medos e desafios. Você precisa ir além deles! Prepare-se e viva intensamente a luta, as suas conquistas, as suas vitórias". #RM #Repost

‏www.twitter.com/AntonioSamarone E a maternidade Hildete Falcão, quando vai funcionar?

www.twitter.com/WSarai Não serve à #democracia proliferação de micropartidos. Sua representatividade e consistência ideológica costumam ser nenhuma

Cláudio Nunes no Face e no twitter:

https://www.facebook.com/blogclaudionunes/

http://www.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia
“Quem aceita o mal sem protestar, coopera realmente com ele.” Martin Luther King.



VEJA TODAS PUBLICAÇÕES DO BLOG
Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Luciana
11/05/2018 às 06:49
Até hoje usam o nome de Tancredo Neves. Imagine o de Deda que foi ontem!
Sandra Regina
10/05/2018 às 20:02
Esse boneco de cera do Belivaldo, marionete de JB, que continua ditando as regras desde sempre, só tomou a medida de "exonerar" o outro incompetente, por pura estratégia política, nenhum deles está preocupado se o povo tem saúde, segurança ou se estão recebendo seus salários, o que importa é usar todas as armas para se manter no poder, assim, o Teatro segue, "eu simulo que me magoe e você finge que me exonerou" e continuamos partilhando o poder...
rom
10/05/2018 às 09:17
Fico abismado com a força que o presidente do PPS tem. Que tal fazer uma pesquisa: Quantos votos tem Clovis Silveira? quais as prefeituras que ele tem poderes? Por favor Claudio Nunes, esqueça esse senhor e o biliu, duas personagens sem votos, mas você dá trela. Sem falsa modéstia, tenho mais votos que essas duas personagens juntas. Como é fácil comandar um partido em Sergipe.

Cláudio Nunes

Desde maio de 2006, tem um blog no Portal Infonet. Atua no jornalismo de Sergipe há mais de 15 anos, passando pela Gazeta de Sergipe, Jornal da Manhã, Diário de Aracaju, TV Sergipe e Jornal do Dia. Radialista e jornalista, em dezembro de 2006 publicou o livro "Liberdade da Expressão".
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030