Caruaru (PE) - Tradição, criatividade e parceria
A convite da Secretaria de Comunicação de Caruaru fui até a cidade conferir os festejos da “Capital do Forró”. Caruaru transpira tradição nessa temporada do ano e mostra como pode fazer festas juninas com criatividade e parcerias
25/06/2009  07:10


Na avenida Agamenon Magalhães, as “Drilhas” – abreviação de quadrilhas que intitulam os blocos de forró animado por trio elétrico – ditam a pisada da festa durante a tarde. Paralelo a animação, o Alto do Moura aglomera o maior número de gente bonita por metro quadrado da cidade. Mas é a noite que, mesmo com o clima frio, a temperatura aumenta no Pátio do Forró. É lá onde acontecem os grandes shows da melhor música tradicionalmente nordestina. Pois é... A coordenação do evento se preocupa em conhecer com antecedência o repertório das bandas e o figurino dos dançarinos que irão se apresentar para não haver música de duplo sentindo e bailarinos seminus.

Pelas ruas da cidade o clima é de competição, pois em um bairro se faz a canjica gigante; no outro, o maior pé-de-moleque do mundo; mais adiante, a maior pamonha; o maior arroz doce e assim vai. Mania de grandeza? Não sei, mas é assim que Caruaru vem permanecendo com o slogan de “Maior São João do Mundo” e com a tradição em alta por lá, a Secretaria de Comunicação estima receber 250 mil visitantes por final de semana.

Na cidade cenográfica “São João do Carneirinho” tem prefeitura, delegacia, casa da rezadeira, escola, igreja e um imenso pórtico com jardins que nele se espalham réplicas das esculturas de Mestre Vitalino, homenageado do São João deste ano. Ao percorrer a cidade, tem-se a sensação de estar numa cidadezinha rural. Há o Pátio Bonanza (supermercado da região) onde três restaurantes aportaram no arraial e contribuirão com 5% do faturamento para instituições de caridade. Empresas privadas ligadas ao supermercado também colocaram suas casinhas, sempre disponibilizando uma atividade e brindes para os visitantes em troca divulgação de suas marcas.

Percorrendo a vila, chega-se a uma estação de trem desativada onde foi montada a Exposição das Obras de Vitalino. Há o Pólo da Cultura Popular, onde a estrela do local são os cordelistas, repentistas, contadores de causo, e também o Pólo das Comidas Gigantes.

Com criatividade a cidade realiza a Exposição de Mesas Juninas no Museu Luiz Gonzaga, reunindo o que há de melhor da culinária dos meses de junho. Expostos em verdadeiros altares, pamonha, canjica, tareco, mariola, tapiocas, bolos, são os xodós da mostra e ganham destaque com decorações perfeitas. Cada doceira da cidade se uniu a um decorador ou designer e montou seu ambiente. É a criatividade para agregar valor ao regional.

Do lado de fora da Exposição, o Pátio do Forró dar as boas-vindas aos visitantes com um enorme letreiro luminoso com a frase “Caruaru a Capital do Forró”. Do lado oposto, dois palcos se revezam nos show. Dos lados esquerdos, direito e de frente para o palco, os visitantes têm opções de bares dos mais sofisticados aos mais populares, que competem à atenção do público com verdadeiros camarotes populares de empresas privadas. Sim, a iniciativa pública participa ativamente da festa. Todos os patrocinadores entram com uma atração disponível a população, por exemplo, a empresa de sandálias Ipanema, com sua sandália gigante e brincadeiras; a Nestlé, com o Forró dos Sabores; o bombom Sonho de Valsa, com brincadeiras e brindes e a Natura, com a “Casa da Menina Bonita”, arquitetada nada menos pelo designer Gringo Cardia. São várias marcas espalhadas por todos os pólos de forró sempre disponibilizando atividades e brindes e agregando valor a festa de São João de Caruaru, sem esquecer do tradicional e da criatividade.

Já é noite e os visitantes querem mesmo é “arear a fivela” e “ralar o bucho”. Xote pra lá; xaxado prá cá. Passa gente fantasiada de caipira como nas primeiras festas de São João da Roça confundindo com o turista do tempo do São João Estilizado. Mas num momento quase que de êxtase o São João de Caruaru mostra sua força com o tradicional e entra no palco o cantor Jorge de Altinho atraindo todos os olhares.

O palco é tomado por cores e o artista começa a cantar “É por isso que Caruaru, é a capital do forró. É a capital do forró, é a capital do forró”. O céu ganha luminosidade tamanha quantidade de fogos. Um côro de mais de 100 mil pessoas cantam a música em unissonidade e assim Caruaru mostra que a festa de São João se faz com parcerias, tradição, criatividade.

Curiosidade

Parcerias entre a iniciativa pública e privada têm garantido ao São João de Caruaru mais atividades e diversão. No “Arraial dos Sabores”, patrocinado pela Nestlé, excursões se revezam para dançarem quadrilhas e participarem das brincadeiras. Nos festejos do Supermercado Bonanza entraram o sabão Ala, Sonho de Valsa, Skol, Confiança, entre várias outras empresas. A Montila também entra pesado no forró de Caruaru, além de patrocinar a Piradrilha, um bloco de forró puxado por Elba Ramalho e Geraldinho Lins. Ganha o público, a empresa e a festa de São João.

Conforme o secretário municipal de Comunicação, André Lubambo, contribuíram com incentivos financeiros o Ministério do Turismo (R$ 1 milhão), Governo Estadual (R$ 1 milhão) além da iniciativa privada (R$ 4 milhões).

Dicas de Viagem

No Alto do Moura há uma concentração de ceramistas, considerado o maior local de representação figurativa do mundo. Vale a pena comprar algumas peças. Os preços são convidativos se comparados com outras cidades do Nordeste e até mesmo com as da Feira.

O Pólo Comercial é um daqueles lugares que vendem roupas mais em conta, mas preste atenção em marcas famosas de procedências duvidosas.

Em todas as partes há restaurantes que servem bode assado, cozido, guisado, como queira. O Restaurante da Perua é bem tradicional na cidade e também serve a Perua a Cabidela – um tradicional prato a base de perua (feminino de peru).

Vale a pena visitar a cidade fora dos festejos juninos, principalmente se quiser comprar roupas e peças figurativas em barro. Há para todos os gostos e bolsos.

O shopping Difusora é o novo empreendimento comercial da cidade e fica na avenida Agamenon Magalhães, bairro Maurício de Nassau, onde se concentram mansões e prédios de alto luxo.

Fotos: Silvio Oliveira

Na Bagagem

Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) começa no dia 16 de julho e terá atrações como Maria Rita, Zeca Pagodinho, Lenine, Rita Lee, Quinteto Violado, Nação Zumbi, O Rappa, Moraes Moreira, Wanderléia, entre outros.

Sergipe se fará presente no 4º Salão do Turismo- Roteiros do Brasil, que acontecerá no Parque Anhembi, na cidade de São Paulo (SP), no período de 01 a 05 de julho de 2009.

Aberta temporada de cruzeiros 2010 nas agências de viagem em Aracaju. A Propagtur está com exclusividade do Cruzeiro Universitário zarpando de Santos ou do Rio de Janeiro, de 16 a 19 de dezembro, com micareta programada para acontecer em Búzios e as atrações são nada menos que Chiclete com Banana, Eva, Ara e Seu Jorge.

Capela (SE) preparada para receber visitantes com a tradicional Festa de São Pedro. E Muribeca (SE), que concorria também como um dos melhores destinos nesta temporada?

Estação Cabo Branco, em João Pessoa (PB), atrai cada vez mais visitantes. A obra projetada por Oscar Niemeyer é um complexo de divulgação científica e cultural e possui um mirante espelhado, apoiado em cilindros em meio a jatos d’água que ver a mata preservada e o mar.

 

Passaporte

Ano da França no Brasil

A Pont Neuf e a Ile de la Cité vista ao fundo das janelas do Museu do Louvre, uma das paisagens mais encantadoras de Paris no inverno. As folhas das árvores caem, o céu fica nublado e o vento frio criam um clima mais romântico na "Cidade Luz".

Foto: Silvio Oliveira



Caruaru (PE) – São João esculpido por Mestre Vitalino
VEJA TODAS PUBLICAÇÕES DO BLOG
Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Silvio Oliveira

Jornalista, especialista em Gestão da Comunicação e responsável pela fan page Tô no Mundo. Escreve sobre Turismo para o Portal Infonet desde 2009. Atuou em jornais, a exemplo do Correio de Sergipe e cadernos especiais do Cinform, além do Portal F5 News. Passou por Assessorias de Comunicação e Agências de Notícias do Governo de Sergipe, Fundação de Apoio à Pesquisa e Extensão de Sergipe/ Projeto Mar de Sergipe e Alagoas e Prefeitura de Aracaju.
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030