Webmail
Enquete

O que você acha de poder escolher os filmes para ser reprisado nas telonas?

Adoro
Não voto



Enquetes anteriores...


Compartilhar: 
30/12/2011 - 07:01
Imortais
O gênero chamado filmes históricos parece estar de volta

(Immortals). EUA, 2011. Direção de Tarsem Singh. Roteiro de Charles Parlapanides e Vlas Parlapanides. Produção de Mark Canton, Ryan Kavanaugh, Gianni Nunnari. Música de Trevor Morris. Direção de Fotografia: Brandan Galvin. Montagem de Wyatt Jones e Stuart Levy. Desenho de Produção: Tom foden. Direção de Arte: Jean Kazemirchuk, Michele Laliberte e Michael Manson. 16 anos, 110m. Cia. Produtora: Relativity Media, Atmosphere Entertainment, Hollywood Gang Productions, Virgin Produced. Distr. No Brasil: Imagem Filmes. Com Henry Cavil, Mickey Rourke, Stephen Dorff, Freida Pinto, Luke Evans, John Hurt, Joseph Morgan, Anne Day-Jones, Greg Bryk, Alan Van Sprang, Peter Stebbings, Daniel Sharman, Isabel Lucas, Kellan Lutz, Steve Byers.

Gênero – Aventura dramatic

Sinopse – Após os deuses vencerem a mítica luta contra os titãs, um novo mal ameaça a Terra. Louco pelo poder, o rei Hyperion declarou guerra contra a humanidade. Formando um exército sanguinário, Hyperion praticamente destronou a Grécia em busca do lendário Arco de Epirus, uma arma de poderes inimagináveis forjada no céu por Ares. Somente aquele que possuir o Arco poderá libertar os Titãs, detidos entre os muros do Monte Tartaros, ávidos por vingança. E nas mãos do rei Hyperion, o Arco poderá não só destruir a humanidade mas aniquilar os deuses.

Apreciação – Entre os anos 50 e 70, a indústria italiana de cinema conquistou muitos mercados com os chamados filmes históricos, que os franceses do Cahiers Du Cinema apelidaram de “peplum”. Hoje, o gênero parece estar de volta, graças ao êxito nas bilheterias de produções como “O Principe da Pérsia”. Este “Imortais” parece ser o mais ambicioso. Produzido a um custo de 75 milhões de dólares, é dirigido por um cineasta indiano radicado na América. Tarsem Singh já fez anteriormente “A Cela”, em 2000 e “The Fall”, em 2006 que não foi exibido poro aqui. O filme parece ser bem cuidado, inclusive com extraordinários efeitos especiais.

Fique de Olho – Em Mickey Rourke. É ele quem faz o vaidoso e violento Rei Hyperion.

Por Ivan Valença

Compartilhar: 
Comentários (0)
Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam o pensamento deste portal.
Atendimento ao Cliente 24 horas: (79) 2106-8000
Política de privacidade
Expediente
Anuncie no Portal
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José
Aracaju-SE, CEP 49015-030
Todos os direitos reservados