Seis pessoas são presas com material contendo pedofilia
Mandados de busca foram cumpridos em Aracaju, Laranjeiras e SC
17/05/2018  11:50

Perito e delegadas apresentaram detalhes da investigação e operação (Fotos: Portal Infonet)

Seis pessoas já foram presas em Sergipe no decorrer da segunda etapa da Operação Luz da Infância, articulada nacionalmente para apreender conteúdos digitais de cunho pedófilico, e responsabilizar os proprietários desses materiais. As prisões em flagrante ocorreram na manhã desta quinta-feira, 17, nas cidades de Aracaju, São Cristóvão e Laranjeiras. Pelo menos 14 HD’s externos [dispositivos com capacidade de até oito mil gigabytes], além de celulares e computadores, foram apreendidos conteúdo sexual envolvendo menores de idade. A Polícia não divulgou o nome dos presos.

A primeira etapa da investigação ocorreu no ano passado. Em outubro, a polícia sergipana articulou uma operação que culminou em quatro prisões. Assim como da primeira vez, os alvos desta nova etapa em todo país, foram identificados pelo Núcleo de Crimes Cibernéticos em Brasília. “As informações foram repassadas para cada estado para que houvesse a continuidade da investigação”, explica Rosana Freitas, delegada responsável por coordenar a investigação em Sergipe.

Nesta manhã, a operação foi articulada pela Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC), em parceria com a Delegacia de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV), reunindo 60 policiais e peritos da área de computação. “As equipes constataram, nos locais de busca, que os alvos baixavam, compartilhavam e mantinha os arquivos com conteúdo de pornografia infantil”, explicou Rosana. A delegada pretende investigar ainda se os alvos tinham a pedofilia como atividade financeira e se também são envolvidos na produção dos vídeos e imagens com exploração sexual infantil.

Coordenadora da investigação em Sergipe vai investigar se alvos tinham envolvimento com produção dos vídeos

A Justiça deve estabelecer, nas próximas horas, valor de fiança para os presos na operação. A investigação vai continuar para identificar outros possíveis suspeitos e todo material já apreendido pela polícia.

Confira o vídeo da operação cedido pela SSP

Por Ícaro Novaes

MATERIAS RELACIONADAS
Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Alvaro Recoba
17/05/2018 às 15:24
Bala nestes desgraçados, fdp !
eudaqui
17/05/2018 às 12:08
NÃO ADIANTA PRENDER ESSE PESSOAL E NÃO MATAR ELES,POIS,ELES SOLTOS OU PRESOS ,VÃO CONTINUAR NA MESMA SAFADEZA E AINDA VAI DAR DESPESA PARA A SOCIEDADE,ESSA DOENÇA JAMAIS TERÁ CURA,SÓ CURA COM A MORTE,MATA E PRONTO...
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030