1º BPCom prende três homens com metralhadora e pistola
Policiais trocaram tiros com os homens até o Grageru
14/06/2018  09:07
Diego dos Santos [de camisa verde] tinha três mandados de prisão em aberto por homicídio (Fotos cedidas pelo 1º BPCom)

Na noite desta quarta-feira, 13, por volta das 23h, o 1º Batalhão de Polícia Comunitária (1º BPCom), através do Grupamento Tático, após perseguição veicular e intensa troca de tiros, conseguiu prender três homens fortemente armados com metralhadora e pistola no bairro Jardins, em Aracaju.

De acordo com os polícias, a guarnição tomou conhecimento de um grupo de homens que estava fortemente armados e reunidos na Travessa Mangabinha, nº 242, no bairro São Conrado, planejando assassinar rivais. As informações foram confirmadas, após os policiais chegarem no local e se deparar com quatro homens com arma em punho. Ao avistar a polícia, eles fugiram pelos fundos da residência atirando contra a guarnição.

O grupo conseguiu fugir em um veículo Tiida, cor prata, de placa NVJ-5537, pela avenida Heráclito Rolemberg e Adélia Franco, disparando tiros contra a guarnição policial. Já na altura da rótula de acesso ao bairro Jardins, no Grageru, com o apoio de outras guarnições da Força Tática (1º BPCom) e da Radio Patrulha, e após intensa troca de tiros, foram presos: Devid Lucas Gomes de Campos, 25 anos; Diego Barbosa dos Santos, 32 anos e Diego dos Santos, 24 anos. Esse último, com três mandados de prisão em aberto por homicídio.

Com os três homens a polícia conseguiu apreender duas armas de grosso calibre, sendo: 01 metralhadora cal. 9mm, com dois carregadores e uma pistola calibre .45, com 03 carregadores. E também certa quantidade de maconha, dinheiro e aparelhos celulares. Os acusados, juntamente com o veículo e todo o material apreendido foram encaminhados a Delegacia Plantonista Sul.

Fonte: ascom 1º BPCom

Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Comentarista
14/06/2018 às 11:33
Quem defende os "rapazes" deveria participar um dia de pelo menos uma troca de tiro numa viatura policial pra ver como é lidar com esses "anjinhos vitimas do sistema capitalista"...!!! Num instante ia deixar de assistir novela da "grobo" e defender "mala", digo, "jovem"...vai Brasil...
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030