Lançada a exposição sobre o bicentenário de Bahá´u`lláh
A mostra é composta por esculturas, pinturas e fotográficas
11/10/2017  17:55
A mostra é composta por esculturas, pinturas e fotográficas (Foto: Pritty Reis)

Elementos referentes à milenar cultura persa compõem a nova exposição do Corredor Cultural Irmão, da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), lançada na manhã quarta-feira, 11. A mostra  “Bahá´u`lláh – Vida, Missão e Obras”, faz alusão ao bicentenário do líder religioso, nascido em Teerã, que espalhou mensagens de unidade, igualdade, justiça e paz pelo mundo.

“Este bicentenário está sendo comemorado no mundo inteiro, com atividades culturais como exposições de arte, música, danças entre outras. Desta forma, não apenas homenageamos Bahá´u`lláh, como a cultura do local aonde esta sendo feita esta celebração. Ele foi uma figura profética, que sempre ajudou muitas pessoas necessitadas levando uma mensagem renovadora, pelo bem estar coletivo, o que fez ele ser perseguido, preso e exilado. O importante para nós é mostrar esse conjunto de princípio de ele trouxe para nortear a humanidade, a exemplo da questão da igualdade dos sexos, que ele enfatizou já naquela época”, afirmou Hassan Sherafat, membro da Comunidade Bahá`í de Sergipe.

O Secretário de Estado da Cultura João Augusto Gama ressaltou que a Secult está sempre de portas abertas para receber outras culturas. “A Secretaria de Cultura é um espaço democrático e aberto. Hoje, homenageamos a comunidade Bahá´u`lláh e no mês de novembro que se comemora os 200 anos do seu criador, nós ocupamos o espaço do Corredor Cultural com muito orgulho e satisfação, tendo a oportunidade de conhecer sua cultura por 30 dias”, disse.

Membro da Comunidade, Anabi Jesus, salientou a importância em juntar as pinturas dos expositores e a cultura Bahá`í de Sergipe. “A experiência na manhã de hoje foi fantástica, pois quando se fala em Bahá´u`lláh muitas pessoas não conhecem já que a comunidade não é tão disseminada nas mídias. Hoje, com certeza teremos a oportunidade de divulgar por meio do Corredor Cultural tudo que congregamos na nossa comunidade”, explicou.

Edenilton Sales recebeu menção honrosa e agradeceu a homenagem. “Já participo da comunidade há muitos anos e considero muito importante esse avanço que demos no dia de hoje. O apoio que a Secult está nos dando tem sido relevante, pois abrangemos mais ainda a divulgação de nossa fé e nossa causa. Só temos que agradecer todo o espaço que tem sido cedido e acredito que os visitantes da exposição sairão encantados com o que verão”, salientou.

Também integrante da Comunidade Bahá`í de Sergipe, Simin Ialali Rabbani, reforçou a importância dos ensinamentos de Bahá´u`lláh nos tempos atuais em que o país e o mundo passam por tantas crises e violências. “A base dos ensinamentos de Bahá´u`lláh é a unidade, ele dizia que de uma só árvore, somos todos nós os frutos, nós somos as estrelas do mesmo céu e as gostas do mesmo oceano. Acreditamos que é exatamente isso que estamos precisando para nós, para o nosso sistema político e para as nossas relações”, explicou.

Durante o lançamento da mostra o público também pode assistir a um sarau de poesias e apresentação musicais de integrantes da Comunidade Bahá`í de Sergipe.  A mostra segue aberta ao público por todo o mês no Corredor Irmão que fica localizado na sede da Secult.

Fonte: Secult

Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030