Meia passagem vai gerar impacto na tarifa, diz Setransp
Aprovada na Câmara, a PL aguarda sanção ou veto do prefeito
27/12/2017  16:47

Ainda não há nenhuma definição sobre o valor do aumento na tarifa para o próximo ano (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Aprovada pela Câmara Municipal de Aracaju, o Projeto de Lei que prevê a meia passagem para os passageiros do transporte coletivo em Aracaju e região metropolitana aos domingos, pode gerar impacto no valor da tarifa. De acordo com o presidente do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Município de Aracaju (Setransp), Alberto Almeida, isso pode ocorrer caso não haja outra fonte de custeio.

Em nota, a Setransp declara que em caso de sanção, “o transporte perderia pelo mínimo R$ 600 mil da sua arrecadação mensal”, e conforme o presidente do Setransp, o projeto aprovado na Câmara não define quem irá custear a gratuidade, por isso, caso não haja uma fonte extra tarifária, automaticamente ela será paga pelos usuários de transporte público. “Quem irá custear será o povo ou uma fonte extra tarifária”, explica.

Ainda não sancionado pelo prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PC do B), o Projeto de Lei do vereador Seu Marcos (PHS), também prevê que as empresas mantenham a escala normalmente nos finais de semana.

Tarifa para 2018

De acordo com o presidente da Setransp, ainda não há nenhuma definição sobre o valor do aumento na tarifa para o próximo ano, já que o sindicato ainda aguarda a sanção ou veto da Lei da meia passagem para elaboração da planilha tarifária.

Por Yago de Andrade e Aisla Vasconcelos

MATERIAS RELACIONADAS
Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Ruan dias
28/12/2017 às 07:38
Esse vereador deveria era propor diminui o número é cortar salário de vereadores, deputados , comissionados, acabar com vice prefeito , vice governador , isso aí populismo com o dinheiro dos outros !!!!
José
27/12/2017 às 21:35
É inacreditável que o vereador "Seu Marcos" receba 19.000,00 reais pra propor uma ideia de merda como essa, qual é a diferença que irá fazer a meia passagem aos domingos? Ele deveria fazer um "esforço cerebral" pra colocar em pauta algo como ponto digital para funcionário publico (médicos, cargos comissionados e ...), ampliação do nível de informação da utilização dos recursos públicos e até as verbas de gabinete.
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030