Servidores da Emgetis têm benefício cortado e protestam
Benefício de prorrogação de expediente era pago há 25 anos
12/03/2018  14:25
Servidores estão recolhendo doações para ajudar colegas de trabalho em piores condições financeiras (Foto: Portal Infonet)

Os servidores estaduais vinculados à Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação (Emgetis) iniciaram nesta segunda-feira, 12, uma vigília em protesto ao corte do adicional de prorrogação de expediente, benefício que é recebido há mais de duas décadas. Segundo os funcionários, a maioria dos trabalhadores teve metade do salário cortado com a exclusão do benefício – alguns servidores, inclusive, estão recebendo doações de alimentos pelas dificuldades financeiras.

Por nota, a assessoria de comunicação da Emgetis afirmou que o corte atende a iniciativa do Governo de redução de gastos em todos os seus órgãos e empresas públicas. “Dentre as medidas, estão a redução de contratos de terceirização de mão-de-obra em 25% e suspensão de hora-extra e prorrogação de expediente. Ressalte-se que tais determinações serão executadas pela Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag)”, afirmou.

Confira a reportagem completa no vídeo:

Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
MARCIO
13/03/2018 às 07:51
Realmente é muito chata essa situação. O sindicato ao longo desses 25 anos, deveriam ter articulado para incorporar essas verbas ao salário como forma de proteção, só assim não se estaria ocorrendo essa situação hoje.
Anonymous
12/03/2018 às 23:18
Tudo eleitor de JB. Não reclamem...
Ruan dias
12/03/2018 às 16:26
Vão pagar pelas estátuas kkk esperem outros órgãos kkk
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030