Auditores fiscais retomam trabalhos nesta terça, 13
Auditores retomam atividades, mas voltam a paralisar dia 16
12/03/2018  21:05
Auditores retomam atividades terça, mas voltam à greve dia 16 (Foto: Sindifisco)

Em assembleia extraordinária, os auditores fiscais decidiram pelo encerramento da greve. O retorno ao trabalho será nesta terça-feira, 13, a partir das 7h da manhã, tendo em vista que o pagamento dos auditores (as) ativos, inativos e pensionistas foi realizado nesta segunda-feira, 12.

A mesma assembleia aprovou a realização de nova paralisação na próxima sexta-feira,16, a partir de zero hora. De acordo com o presidente do Sindicato do Fisco de Sergipe (Sindifisco), a paralisação nos serviços da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz) ocorre pela interrupção das negociações entre o Sindifisco e o Governo Estadual. “O governo na última sexta-feira, 9, comunicou ao Sindicato que não irá implementar a gratificação de incremento à arrecadação. Esse comunicado frustrou a nossa categoria uma vez que as negociações aparentemente caminhavam para um bom desfecho”, afirma Paulo Pedroza.

O secretário de Comunicação do Sindifisco, Abílio Castanheira, informa que a assembleia também aprovou calendário de mobilização para esta semana na sede da Sefaz: Ato com Café da Manhã, às 7h da manhã, nesta quarta-feira,14, e um Debate Sobre as Reformas Previdenciária e Tributária, que acontecerá no auditório da Sefaz, no horário das 8h ao meio dia, no dia 15 (quinta-feira).

Calendário: Greve e Mobilização

14.03 (quarta-feira)_ a partir das 7h_ Ato com Café da Manhã, às 7h na sede da Sefaz

15.03 (quinta-feira)_8h ao meio dia _ Debate Sobre as Reformas Previdenciária e Tributária, no auditório da Sefaz

16.03(sexta-feira) _ Início da greve na Sefaz, a partir de zero hora do dia 16.03.

Sefaz 

A Sefaz, por meio da Assessoria de Comunicação, que devido à situação financeira do Estado, é impossível neste momento conceder gratificações. Ainda de acordo com a Sefaz, conceder gratificações a uma só categoria, prejudicaria os demais servidores. O Estado, conforme a Sefaz, está fazendo esforços para quitar a folha do pagamento do funcionalismo público dentro do mês trabalhado. 

Com informações da assessoria do Sindifisco

Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Indignado
13/03/2018 às 09:51
Esse pessoal ganha acima de R$ 20 mil, trabalha um dia e folga cinco e ainda quer fazer greve? Meu Deus, que país é este?
Carlos Alberto Souza
13/03/2018 às 07:32
NÃO CONSIGO ENTENDER: COMO 65 MIL SERVIDORES PERMANECEM CALADOS COM O DESGOVERNADOR TIRANDO ONDA, HUMILHANDO PAIS E MÃES DE FAMÍLIA!!! ESSE GOVERNO INCOMPETENTE ESTÁ FAZENDO COM QUE AS FAMÍLIAS DE SERVIDORES PASSEM NECESSIDADE E RESTRIÇÕES!!! SERVIDORES DO ESTADO TENHAM VERGONHA NA CARA - GREVE GERAL, JÁ!! FORA DESGOVERNADOR jacskon barreto!!!
Carlos Alberto Souza
13/03/2018 às 07:31
Caça fantasma x acordo: Ontem, 20, nos corredores do Palácio de Despacho, a informação é que as exonerações dos comissionados, na verdade não é por economia, mas para se antecipar a operação caça fantasma, já que muitos deles são indicações de lideranças políticas do interior e não trabalham. Fonte Jornalista Cláudio Nunes
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030