Procura por cursinhos aumenta após anúncios de concursos
Alunos veem boas perspectivas de futuro num concurso público
09/01/2018  07:04

A procura por cursinhos preparatórios aumentaram 80%, quando comparado a 2017 (Fotos: Portal Infonet)

Melissa relata que, “o ano de 2018, para Sergipe, especificamente, será o ano dos concursos”.

Fernanda e Lívia vão tentar o concurso da UFS

Na busca por estabilidade profissional e financeira, os sergipanos já começaram a estudar para os concursos públicos. Alguns editais já estão abertos, e a expectativa é que outros grandes concursos sejam realizados neste ano. Com isso, a procura por cursinhos preparatórios aumentaram 80%, quando comparado a 2017.

A coordenadora e professora do Ponto dos Concursos, Melissa Rollemberg, explica que a maioria dos alunos que estão se preparando possuem entre 18 e 35 anos, estão saindo das escolas, universidades ou desempregadas, e veem boas perspectivas de futuro num concurso público. “A pessoa quer ter condições de comprar uma casa, por exemplo, ela sabe que se for funcionário público terá uma margem maior para que ele possa comprar essa casa”, declara.

De acordo com ela, os alunos estão cada vez mais preparados para os concursos, alguns chegam a estudar cerca de dez horas por dia para alcançar a aprovação. Mas, ela enfatiza que o mais importante é estudar com qualidade. “Os alunos sabem que a qualidade de estudo é importante. Se você estuda quatro horas diárias, fora o cursinho, você já está com qualidade, em um caminho certíssimo”, afirma.

Estabilidade

Melissa relata ainda que, “o ano de 2018, para Sergipe, especificamente, será o ano dos concursos”, por este motivo, e por vislumbrarem uma estabilidade financeira, cada vez mais alunos têm buscado os cursinhos preparatórios. “Nós temos alunos que ainda estão cursando a universidade, são visionários. Eles já sabem que quando sair, a probabilidade de permanecer desempregado é grande, então eles já querem encurtar”, declara.

Na busca por essa tão falada e desejada estabilidade financeira, as amigas Fernanda de Souza Stingelin e Lívia Mirelle da Silva, resolveram se preparar para o concurso da Universidade Federal de Sergipe (UFS), através do cursinho.As duas já são formadas em Engenharia Ambiental, e decidiram se dedicar aos estudos.

Para Fernanda, o cursinho preparatório ajuda no aprendizado de conteúdos como direito e administração pública. “Resolvi buscar o cursinho para aprender essa parte do conteúdo que eu nunca tive contato e por conta do material que o curso disponibiliza”, afirma. Lívia Mirelle acredita que o concurso pode oferecer uma estabilidade financeira momentânea, mas o desejo é conseguir algo em sua área de formação. “A gente está buscando mais a estabilidade financeira do que o desejo profissional, mas vou continuar tentando até conseguir algo em minha área”, afirma.

Concursos

A maior expectativa dos concurseiros está depositada no concurso público promovido pelo Governo do Estado para delegado, Guarda Prisional, Bombeiro e Polícia Militar. Além destes, os candidatos estão estudando para os concursos da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), da UFS, dentre outros.

Por Yago de Andrade e Victor Siqueira

MATERIAS RELACIONADAS
Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
CAD
09/01/2018 às 21:55
Que engraçado! um desses será você!kkkk
Rcontábil
09/01/2018 às 13:55
Todos que começarão agora: NÃO PASSARÃO ou terá que rebolar muito para conseguir.
Rcontábil
09/01/2018 às 20:52
Lembrete: Terá como concorrente, aqueles que continuaram estudando ouvindo milhões de críticas no momento de crise do tipo: Concurso acabou, vai trabalhar e esqueça. hauhauahauahauah.
Douglas
09/01/2018 às 13:37
Anonymus, risível a sua comparação.
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030