MPE troca Henrique Cardoso por Jarbas Adelino
Henrique Cardoso foi remanejado para a Fazenda Pública
16/03/2017  15:22

Henrique Cardoso: substituído no comando do combate à corrupção (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O Ministério Público Estadual (MPE) substituiu o promotor Henrique Cardoso do comando do Centro de Apoio do Patrimônio Público (CAOPP) e do Grupo de Combate à Improbidade Administrativa (GCIA). No lugar dele, assumiu o promotor Jarbas Adelino, conforme informações confirmadas em nota enviada pela assessoria do MPE à imprensa.

Na nota, a assessoria explica que a mudança ocorreu porque “historicamente o CAOPP é ocupado pelos membros do Ministério Público na atividade-fim”. A nota explica que a decisão para substituir o promotor Henrique Cardoso foi tomada pela Administração Superior do MPE.

A nota esclarece que o CAOPP não tem poder para executar as tarefas e sim a atribuição de fazer intercâmbio entre as promotorias, sem atribuição para promover investigação. “Somente para estimular a integração e o intercâmbio entre órgãos de execução que atuem na mesma área e que tenham atribuições comuns”, esclarece a nota. “Cabe ao CAOP, apoiar as Promotorias de Justiça. Todas as investigações, que são comandadas pelos promotores titulares de suas Promotorias de Justiça, bem como qualquer operação apoiada pelo CAOPP, têm seu desenvolvimento a partir das diligências requisitadas pelas Promotorias”, enfatiza a nota.

Na nota, o MPE esclarece que as ações de combate à corrupção e esquemas de desvio de recursos públicos, a exemplo da Operação Indenizar-SE, Subvenções, Coleta de Lixo, Antidesmonte foram realizadas com atuação de todos os promotores do grupo: Bruno Melo Moura, Jarbas Adelino Júnior, Luciana Duarte, Rosane Gonçalves, Henrique Ribeiro Cardoso “e tantos outros”.

O MPE destaca a confiança que a Administração Superior deposita no grupo que permanece no GCIA e no CAOP e reafirma o compromisso com a continuidade regular de promoção de “todas as medidas necessárias à proteção do patrimônio público, aperfeiçoando, cada vez mais, a sua estrutura para implementar todas as investigações, mantendo o firme compromisso com a sociedade sergipana em continuar a combater, veementemente, a corrupção e o desvio de dinheiro público”.

Procurado pelo Portal Infonet, o promotor de justiça Henrique Cardoso optou pelo silêncio. Ele disse apenas que não se manifestaria a respeito das mudanças ocorridas no MPE. A assessoria do MPE confirmou o remanejamento do promotor de justiça Henrique Cardoso para a Promotoria da Fazenda Pública.

Por Cássia Santana

Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Novidades
Anúncio
Classificados
Anuncie Grátis
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030