Almeida Lima fala sobre de troca de corpos de bebês
Secretário de Saúde explicou o que provocou o problema
03/01/2018  19:52
Almeida Lima fala sobre troca de bebês na Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (Foto: Arquivo Infonet)

O secretário de Estado da Saúde (SES), Almeida Lima, fez um pronunciamento, por meio de um áudio divulgado em redes sociais, sobre o caso da troca de corpo de bebês na Maternidade Nossa Senhora de Lourdes, que ocorreu no fim do mês de dezembro. A situação é dada como esclarecida administrativamente, e agora, tanto a pasta e familiares envolvidos aguardam a conclusão do inquérito policial.

A direção da MNSL prestou um Boletim de Ocorrência na 8º Delegacia Metropolitana, após confirmar a confusão. “Diante desta troca, a única atitude da unidade hospitalar e da própria secretaria era dar conhecimento às autoridades policiais para que tomem as providências. [...] Do ponto de vista administrativo, nos compete abrir uma sindicância”, disse o secretário.

A troca

Conforme a manifestação de Almeida Lima, o problema começou no dia 23 de dezembro, às 6h15, quando a MNSL deu entrada com três corpos em seu próprio necrotério, um oriundo de parto singular e dois irmãos gêmeos.

No ato de entrega dos corpos dos irmãos à mãe que aconteceu a confusão, sendo entregue apenas um dos gêmeos e o filho de Bruno Sotero e Wedja Nunes. No último dia 30, quando o casal tentou retirar o corpo do bebê, que morreu prematuro, foi surpreendido com a declaração de servidores de que não haviam encontrado a criança, tendo ficado no necrotério o outro gêmeo.

O pai da criança, Bruno Sotero, criticou a forma como a SES conduziu a problemática. "Foi feito de um jeito péssimo, como se fosse uma coisa qualquer, como se tivessem perdido um celular. Prestamos BO, e amanhã vamos comparecer à 8º DM para saber o que vai ser feito a partir de agora. Houve um ato falho, irresponsável", criticou.

Exumação

A assessoria de Comunicação da Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que o inquérito está sob responsabilidade da Coordenadoria de Polícia Civil da Capital (Copcal) e 8º DM. A solicitaçao de exumação dos corpos será solicitada ao poder judiciário em breve, conforme a investigação aponte necessidade. Estão sendo elaboradas as primeiras intimações e responsáveis pela maternidade e familiares serão notificados para prestar depoimento.

Por Victor Siqueira

Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
DIMITRI
04/01/2018 às 08:50
PORQUE SERÁ QUE AQUI SÃO SEMPRE OS MESMOS NOMES NA POLÍTICA ??? OU ESPOSA, FILHOS, NETOS...
Ruan dias
04/01/2018 às 07:49
Esses deputados e vereadores deveriam fazer uma lei que proíba cargos comissionados , qualificação dos servidores públicos para assumir cargos para evitar trampolim político e vários bajuladores $$$$
eudaqui
04/01/2018 às 06:57
O ALMEIDA LIMA,É SUPER INTELIGENTE COMPETENTE EM TODOS OS CARGOS QUE ASSUME,O QUE SE RECLAMA DO ALMEIDA LIMA,É SIMPLESMENTE A MANEIRA VERDADEIRA DELE PRESTAR AS DECLARAÇÕES....MAS,QUANDO ELE FALA,ATÉ QUEM FALA MAL DELE,SE CALA...POR QUE SERÁ???
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030