Banco de Leite promoverá encontro com mães receptoras
Evento acontece na sexta, 18, no auditório da MNSL
16/05/2018  15:37
Evento acontece na sexta, 18, no auditório da MNSL (Foto: Wellington Barreto)

Um encontro que promete muitas emoções. Esta é a expectativa para o encontro que irá acontecer nesta sexta-feira, 18, no auditório da Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL), entre as mães doadoras de leite humano e as mães dos bebês receptores. O evento marca o Dia Mundial de Doação de Leite Humano e se soma a outras atividades que irão acontecer nesta mesma sexta-feira e durante toda a semana seguinte.

A promoção é do Banco de Leite Humano Marly Sarney, órgão da Secretaria de Estado da Saúde (SES), que programou também para a tarde do dia 18 a entrega de certificado para as mães doadoras, a distribuição de brindes e uma visita destas mães pela Maternidade Nossa Senhora de Lourdes, para que elas conheçam os bebês prematuros e tenham plena noção do valor do ato de doar o leite humano.
A Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL) é o principal vínculo do Banco de Leite Humano Marly Sarney, uma vez que é referência na gestação e parto de alto risco. “As doações que recebemos atendem prioritariamente aos bebês prematuros que estão internados na UTI Neonatal (Utin) e é exatamente essa realidade que queremos que as mães doadoras conheçam de perto”, informou a gerente do Banco de Leite, Crislaine Lima.

De 18 a 25 de maio os esforços da equipe de profissionais de Banco de Leite Humano estarão concentrados em mobilizar as mamães que estão amamentando seus filhos e que possuem leite em excesso para fazerem doações. Isso porque, o estoque do BLH está sempre abaixo da demanda, segundo revela a gerente.

“Passamos o ano todo buscando sensibilizar as mães a doarem o leite que seus bebês não consomem, mas nosso estoque tem sido suficiente apenas para atender os prematuros, não nos restando opção para atender outras demandas”, explicou Crislaine, salientando que para doar a mamãe precisa estar saudável e sem fazer uso de medicamentos não recomendáveis para amamentação, de drogas ou álcool.

Promoção

Como destaca a gerente, o Bando de Leite não tem como função apenas a captação e distribuição do produto. Na verdade sua missão vai mais além e contempla o incentivo e a promoção ao aleitamento exclusivo, bem como o apoio às mães que estão amamentando.  “Orientamos as mamães quanto ao manejo clínico da amamentação e esclarecemos dúvidas que possam ter em relação ao ato de amamentar. Temos uma equipe multidisciplinar disponível para atender esta mãe e promovemos um atendimento humanizado, que começa no acolhimento. Nosso serviço é gratuito”, salientou Crislaine Lima.

Puericultura

O Banco de Leite Marly Sarney dedica uma atenção especial aos bebês que estão em aleitamento exclusivo, que se materializa na forma do Programa Puericultura. Objetivando incentivar o aleitamento materno, a iniciativa é aberta a todos os bebês, independente de serem ou não encaminhado pela MNSL.

O programa promove o acompanhamento pediátrico do bebê durante os seus primeiros oito meses de vida. Cada vidinha pode ser inserida no Puericultura com uma semana de nascida e, partir daí, ter consulta agendada mensalmente. Até o quinto mês o bebê é orientado dentro dos preceitos do aleitamento materno exclusivo, recendo a partir do sexto mês também os cuidados de um nutricionista para a introdução de outros alimentos. Um cardápio com as recomendações nutricionais é passado para o bebê

Fonte: SES

Compartilhar:
Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
Novidades
Anúncio
Classificados
Infonet
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José | Aracaju-SE, CEP 49015-030