Webmail
Blogs


Compartilhar: 
29/03/2012 - 10:59
Capitão Samuel se reúne com militares do BESP
A incorporação da gratificação no soldo dos militares

(Foto: Arquivo Portal Infonet)

Na manhã desta quarta-feira, 28, o deputado estadual Capitão Samuel se reuniu com militares do BESP - Batalhão Especial de Segurança Patrimonial para esclarecer alguns pontos abordados na LOB apresentada pelo parlamentar na na Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe.

“Quero agradecer ao subcomandante do BESP, tenente coronel Assis que permitiu a minha entrada aqui no batalhão e permitiu esse momento fundamental com os companheiros do BESP”, afirmou o deputado.

A incorporação da gratificação no soldo dos militares do BESP foi o ponto que mais gerou discussão na reunião. Algum militares interagiu com o deputado capitão Samuel e disse que a preocupação dos militares daquele batalhão era de justamente acabar com o BESP. “Se nessa LOB for determinado um tempo de cinco anos, por exemplo, para incorporação da gratificação no soldo, aqui no batalhão a maioria tem mais de oito anos, então, automaticamente todos irão para a reserva e acabará o BESP”, indagou o militar.

Outro questionamento colocado na reunião foi em relação aos contra-cheques dos militares da reserva segundo muito deles a patente que aparece no contra-cheque dos militares é inferior a real patente, gerando uma situação de medo em relação aos problemas que isso pode provocar no futuro. “Um coronel, por exemplo, recebe o salário de coronel, mas a patente que aparece no contra-cheque é de tenente, temos medo de no futuro nos prejudicar”, afirmou o militar.

O deputado disse que não é preciso se preocupar que a lei protege, pois, segundo a legislação o salário é irredutível, ou seja, uma vez ganhando aquele valor não pode receber menor valor, mas que a solução para esse problema seria a identificação do militar (identidade) como comprovante como já acontece em outros estados do Brasil.

Samuel Barreto disse que estava ali para ouvir e dizer que ainda dava tempo de fazer alguma alteração na LOB no que fosse de interessasse aquele batalhão. “Ainda dá tempo de mudar se vocês disserem que é para mudar a gente muda, quem manda são vocês”, afirmou o deputado.

O BESP foi criado, de acordo com o Decreto 22381 de 20 de outubro de 2003, convocando policiais militares da reserva remunerada da Polícia Militar para o serviço ativo, de acordo com o artigo 6º da Lei estadual 2066, de 23 de dezembro de 1976. A referida convocação foi publicada no Boletim Geral Ostensivo nº 95, de 2 de junho de 2004.

O objetivo inicial da criação do BESP foi ocupar com os policiais militares aposentados o serviço administrativo e de guarda dos quartéis, além de prédios do patrimônio público e da administração estadual, liberando assim policiais mais jovens para o policiamento ostensivo nas ruas do Estado.

Samuel Barreto agradeceu a oportunidade de poder se reunir com os militares daquele batalhão e afirmou ter sido muito importante esse contato com os “BESPIANOS” como é conhecido os militares daquela unidade. “Obrigado pela oportunidade, na pessoa do subcomandante Tenente coronel Assis agradeço a todos aqui presente”.

Fonte: Assessoria Parlamentar 

Compartilhar: 
Comentários (4)
Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam o pensamento deste portal.
EU
29/03/2012 às 13:54
esse cap samoel e um enrolado ele tem labia ate demais na verdade entre dez puliticos 9 sao errado
Edson
29/03/2012 às 11:49
Eu não estou entendendo essa situação do BESP, esse batalhao não é formado pelos velinhos que estão na reserva da Policia Militar, e foram integrados para segurança do patrimonio, criado pelo saudoso Tadeu Cruz?, ora bem, esse pessoal que foi para reserva como Tenente hoje é Coronel?, eles tem que permanecer na mesma patente da reforma e não tem nada de incorporar gratificação no soldo da reforma, ora meu pai foi militar ja felecido, minha mãe não tem os aumentos que tem os ativos, INJUSTIÇA.
João Felipe
29/03/2012 às 14:38
Sempre o Genisson(presid)falou que o Sergipe é um time do tamanho da tarcida, para a nossa sorte é q a 2ª divisão do sergipano começa no inicio de 2013 e se agente consergui subi para 1ª divisão, já podemos jogar no 2º semestre do ano 2013 na 1ª divisão do campeonato sergipano. Vejamos, todos os times que subiu da 2ªdivisão para a 1ª divisão é Campeão do Estado duas vezes no mesmo ano, então colorados a estrategica da diretoria do sergipe esta correta. para nós será 2 titulos em um só ano 2013
Atendimento ao Cliente 24 horas: (79) 2106-8000
Política de privacidade
Expediente
Anuncie no Portal
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José
Aracaju-SE, CEP 49015-030
Todos os direitos reservados