Webmail
Blogs


Compartilhar: 
05/05/2012 - 14:42
Morre aos 55 anos o ex-vereador de Aracaju Gilvan Melo
Ele foi encontrado enforcado na casa onde morava em Aquidabã
Gilvan Melo (Foto: Divulgação Bareta)

Repercute em Sergipe, a morte do ex-vereador de Aracaju, Gilvan Melo (PT). Ele morreu enforcado em uma corda dentro da casa onde morava. Filho do também ex-vereador Carlito Melo, Gilvan atuou na Câmara Municipal de Aracaju, na legislatura de 1993 a 1997.

Ele estava morando no Povoado Saco de Areia, no município de Aquidabã. Aos 55 anos, ele estava trabalhando como locutor em na emissora de rádio Aquidabã FM. E trabalhou por muito tempo na Petrobras.

Como petroleiro ele sempre era visto à frente dos movimentos grevistas reivindicando melhorias para os trabalhadores da Petrobras, como presidente do Sindipetro, sindicato da categoria. Gilvan também presidiu a Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb).

Por Aldaci de Souza

Compartilhar: 
Comentários (6)
Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam o pensamento deste portal.
Edson Júnior
06/05/2012 às 09:05
Ontem acordei com a triste notícia da morte de Gilvan Melo. Hoje acordo e meu desejo era que tudo houvesse sido um equívoco, uma barrigada jornalística. A realidade me diz NÃO! Triste e perplexo com a notícia. Aprendi a admirar Gilvan Melo em sua campanha à CMA, que terminou com sua vitória e do qual fui assessor parlamentar. Companheiro de forte oratória, carismático, leal, amigo, sonhador... Teve uma passagem admirável pela vida. Que Deus lhe dê a paz, que talvez a procurasse. Valeu, Gilvan!
ANTONO CARDOSO
05/05/2012 às 16:08
Só para corrigir, Gilvan Melo trabalhou na Aquidabã FM mas no momento não estava trabalhando.
Carlos Eduardo
06/05/2012 às 20:18
Uma perda muito grande para Sergipe e para meu município! Que o amigo descanse em paz!
Atendimento ao Cliente 24 horas: (79) 2106-8000
Política de privacidade
Expediente
Anuncie no Portal
Rua Monsenhor Silveira 276, Bairro São José
Aracaju-SE, CEP 49015-030
Todos os direitos reservados