Farmacêuticos alertam para o uso do 'kit ressaca'
13/02/2018














Folião deve ter atenção ao aliar bebida e medicamentos (Foto: Arquivo Portal Infonet)















Especialistas do CRF fazem alerta sobre o uso do kit ressaca (Foto: Portal Infonet)



Durante o período do carnaval, é comum encontrar foliões que fazem uso do ‘kit de ressaca’, mas o que muitos deles não sabem, é que o uso de alguns medicamentos presentes neste kit, podem trazer complicações para a saúde quando aliados a bebidas alcóolicas. O alerta é feito pelo Conselho Regional de Farmácia de Sergipe (CRF/SE).



De acordo com a conselheira Fátima Aragão, os medicamentos mais utilizados nestes kits são os analgésicos, anti-inflamatórios, os protetores hepáticos, além dos energéticos que são contraindicados para aqueles que têm arritmia cardíaca.



Segundo ela, nenhum dos medicamentos são indicados com uso concomitante com álcool. “A prevenção que os foliões devem tomar é se hidratar com água, todas as vezes que tomarem excessivamente bebidas alcóolicas, se hidratem, porque a ressaca é proveniente justamente da desidratação”, explica.



Outro cuidado que o folião deve ter é com os medicamentos ansiolíticos, aqueles que são usados para dormir. “Medicamentos que agem no sistema nervoso central vão competir com a bebida alcóolica que também age nesse sistema, e na maioria dos casos é potencializando o efeito, causando ânsia de vômito, desmaios e amnésia”, declara.



O presidente do Conselho, Marcos Rios, também faz o alerta para o uso de medicamentos combinados. “Essa associação é potencialmente perigosa. Quando você usa dois medicamentos, um potencialmente pode interagir com o outro, e esses kits são uma associação desses medicamentos que é perigoso para quem utiliza”, alerta.



Por Yago de Andrade