GERB celebra cinco anos de atuação em Sergipe
16/05/2018














Evento aconteceu na sede do GERB (Fotos: Portal Infonet)
















Diretor do GERB comentou a atuação do grupo















Para a delegada geral da Polícia Civil, Katarina Feitosa, o GERB é conhecido nacionalmente por sua técnica e repreensão.




Diversos agentes que integram a Polícia Civil em Sergipe marcaram presença no aniversário de cinco anos do Grupo Especial de Repressão e Busca (GERB) celebrado nesta quarta-feira, 16. O evento de comemoração aconteceu na própria sede do GERB, no Conjunto Orlando Dantas.



O Grupo é vinculado diretamente ao Complexo de Operações Policiais Especializadas (COPE), tendo estruturação interna definida em sessões destinadas a combater situações de violência declarada, cuja gravidade ultrapassa os meios normais da atuação policial.



Formado em 2008 inicialmente como Grupo Especial de Rondas e Blitz, o GERB adotou a nova nomenclatura e atribuições a partir do ano de 2012. “Nós montamos grandes operações através de um efetivo especializado, com equipamentos especializados, para dar suporte a Policia Civil, como por exemplo, cumprimentos de mandados de alto risco, combate a extorsão e sequestro, resgate de reféns, roubos a bancos”, explica o diretor do GERB, Ricardo Porto.



Para a delegada geral da Polícia Civil, Katarina Feitosa, o GERB é conhecido nacionalmente por sua técnica e repreensão. “Hoje nós podemos contar com um grupo altamente técnico e preparado para as operações. A polícia civil é independente em relação a isso, nós podemos investigar e chegar até o final na prisão com grandes operações por conta do GERB, porque eles está altamente preparado para as emergências e operações mais complicadas da polícia civil”, acredita.



por Yago de Andrade