Assistidos da AMO celebram a vida com festa junina
13/06/2018














Música, dança, comida e até uma boutique fizeram parte da folia que reuniu familiares e pacientes oncológico (Fotos: Portal Infonet)
















Angelina: "É tudo pra gente"
















Assistida se maquia para começar a dança















A AMO atende a 2 mil e 400 pacientes com câncer





Esta quarta-feira, 13, dia de Santo Antônio, foi de muito forró e animação para mais de 400 assistidos da Associação Amigos da Oncologia (AMO). A entidade realizou, pela 21ª vez, a comemoração dos festejos juninos. O evento ocorreu no Oratório de Bebé, em Aracaju.



Música, dança, comida e até uma boutique fizeram parte da folia que reuniu familiares e pacientes oncológicos. “É tudo pra gente. Esperamos o ano todo por essa festa e pela do Natal”, disse Angelina da Vitória, 53. Há dois anos e meio ela foi acolhida pela associação. “Eu não chamo de AMO. Eu chamo de ‘mãe’. Além dos tratamentos médicos, nos oferecem muitas coisas para distrair a mente. Tem as oficinas e eu já aprendi a fazer muita coisa. Por causa delas, eu tenho uma profissão: confecciono havaianas”, declara a assistida.



Para que a festa ocorra, uma porção de gente faz doações de vários tipos. Uma delas é Maria Inês, 63, voluntária regular da AMO há 19 anos. “Nessa época do ano, eu faço tiaras para a nossa boutique. Aqui na lojinha, qualquer pessoa pode pegar uma roupa, acessório e até se maquiar para curtir nosso forró. Depois ela devolve e tudo volta para o estoque, para ser reformado e utilizado próximo ano”, explica.



“Eventos como esse são feitos para levar alegria e celebrar a vida das pessoas que, muitas vezes, está ameaçada. Elas precisam de coisas que liguem à cultura e à valorização da vida”, diz Conceição Balbino, uma das responsáveis pela organização não-governamental. De acordo com ela, a AMO atende a 2 mil e 400 pacientes com câncer. Doações podem ser feitas através do site amigosdaoncologia.org.br.



por Jéssica França