VEM AÍ, A 52a. EDIÇÃO DA MAIS TRADICIONAL REGATA DE VELA OCEANO, A “SANTOS - RIO”
21/10/2002



largada acontece sexta-feira, dia 25, na baía de Santos

A mais tradicional e competitiva regata de vela oceano, a “Santos – Rio”, será realizada no próximo dia 25, sexta-feira. Cerca de cinqüenta veleiros irão percorrer as 220 milhas náuticas – 396 km – que separam Santos do Rio de Janeiro. A largada acontece às 12h, na baía de Santos. O destaque do evento fica por conta da participação de grandes veleiros comandados pelos mais experientes velejadores do país.

Muitos deles já se preparam para conquistar mais esse grande título da vela oceano. Do Iate Clube de Santos (ICS), Eduardo Souza Ramos no comando do "Pajero TR4” – 3o. colocado na edição anterior. Do Iate Clube do Rio de Janeiro (ICRJ)", “www.saling.com.br”, comandado por Marcos Soares (medalha de ouro nas Olimpíadas de Moscou). O “Curupira”, comandado por Mark Esle, também já está confirmado. Muitos outros velejadores de todo o país terão seus nomes e embarcações divulgados nos próximos dias.

O hexacampeão mundial, Robert Scheidt, deve buscar o novo recorde da regata, pertencente a Torben Grael (em 1995, o barco "PoliBrasil" timoneado por Grael bateu o recorde em um tempo real de 21h25m05s), fita azul 1993, 1994, 1995 e 1996. No ano passado Scheidt participou da regata à bordo do veloz trimarã “Adrenalina Pura”, de 64 pés, o que acabou criando uma polêmica junto aos outros competidores que questionavam o fato do catamarã ser um multicasco com capacidade de desenvolver uma velocidade não compatível com o monocasco (veleiro). O nome da sua embarcação para esta edição do evento ainda não foi divulgado.

O veleiro “Cisne Branco” da Marinha do Brasil estará ancorado em Santos. A embarcação foi incorporada à Armada Brasileira em março de 1999, em Lisboa, Portugal. Construído no estaleiro Damen, em Amsterdan, Holanda, teve o batismo de quilha em agosto do mesmo ano. Além da instituição de aspirantes da Escola Naval, o Cisne Branco representa o país em eventos náuticos e regatas internacionais. A “52a. Regata Santos – Rio” tem organização do Iate Clube de Santos e Iate Clube do Rio de Janeiro com apoio técnico da ABVO (Associação Brasileira de Veleiros e Oceano) e FBVM (Federação Brasileira de vila e Motor).

Programação “52a Regata Santos – Rio” (dias 25, 26 e 27 de Outubro):
Dia 24, quinta-feira, 16h, Palestra de Meteorologia, Veleiro Cisne Branco
Dia 24, quinta-feira, 18h, Coquetel no Veleiro Cisne Branco
Dia 24, quinta-feira, 20h, Jantar de Abertura, ICS
Dia 25, sexta-feira, 12h, Largada da "52a. Regata Santos - Rio"
As embarcações começam a chegar por volta das 12h, sábado, no Iate Clube do Rio de Janeiro, localizado na praia de Botafogo, Rio de Janeiro.
Dia 30, quarta-feira, 20h, Entrega de Medalhas, no ICRJ


Curiosidades da “Santos-Rio”:
A primeira regata foi realizada em 18 de novembro de 1951 e dela participaram 14 veleiros; O sentido sempre foi entre os pontos de Santos e Rio de Janeiro, exceto nos de 1970 e 1972, quando foi feito o inverno (Rio-Santos);

O velejador que mais vezes venceu a Santos-Rio foi Erling Sven Lorentzen (1966, 1969 e 1992) com o barco “Saga”, do ICRJ. Seguindo de perto por Fernando Nabuco (2 vezes) e Pedro Paulo Couto (2 vezes);

O velejador Sérgio Mirsky, do ICRJ participou 32 vezes tendo obtido a melhor a melhor classificação em 1992, quando cruzou a ilha de chegada em 1º lugar, sagrando-se fita Azul, com seu barco “Neptunus V”.

Em 1999, o "Mitsubishi", comandado por Eduardo Sousa Ramos ficou com o bicampeonato no tempo real, apesar de ter chegado mais de 12 horas atrás do "Trimarã Bahia", de Lars Grael, Alex Welter e Cláudio Bieckark,


A cobertura do evento poderá ser feita da própria embarcação do Iate Clube de Santos ou do veleiro Cisne Branco. O credenciamento deverá ser feito até 17h de quarta-feira, dia 23. A saída no Cisne Branco acontece às 9h30. A saída na embarcação do ICS acontece às 10h, da sede do ICS (Rua Funchal, 1140), impreterivelmente.